Postado Por : João Eduardo Caldeira 08 dezembro 2010

Um reunião ocorrida na segunda-feira, 06 entre o prefeito de Vilhena, José Rover (PP) e o supervisor do Vilhena Esporte Clube, José Natal Pimenta Jacob poderá resultar na garantia da realização do jogo pela Copa do Brasil em Vilhena.

A notícia foi dada ontem pelo próprio diretor que se mostrou entusiasmado com tal possibilidade, uma vez que a estrutura atual (arquibancadas) do Estádio Portal da Amazônia já suporta pelo menos 3.200 lugares sentados e o prefeito acenou positivamente para a possibilidade de fazer mais algumas melhorias emergenciais que possibilitem pelo menos outros quinhentos lugares.
A prefeitura, através da Secretaria Municipal de Esportes deverá lançar a ampliação e melhoria dos camarotes que ficam na parte superior das arquibancadas, cujo espaço não foi catalogado como espaço para acomodar os torcedores.
Com o projeto que poderá ser confirmado já nesta sexta-feira, 10 logo após um novo encontro do prefeito com os dirigentes do VEC, desta vez com a presença do presidente, José Carlos Dalanhol.
O prefeito José Rover mostrou-se decidido em contribuir para as melhorias impostas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) aos clubes participantes da Copa do Brasil e entendeu que seria um castigo aos torcedores vilhenenses deixar escapar a oportunidade de assistir um jogo importante como é a estréia na Copa do Brasil.
Pensando no torcedor e na própria comunidade, a prefeitura não envidará esforços para poder dar todas as condições necessárias para que o jogo aconteça no Portal da Amazônia previsto para o próximo dia 23 de fevereiro quando o VEC estréia na competição.
Ainda na segunda-feira, 06 foi feito um contato com o Presidente da Federação de Futebol de Rondônia, Heitor Costa que está no exterior acompanhando as categorias de base da seleção brasileira de futebol que também prometeu empenho para manter o jogo em Vilhena.
Em relação ao Estádio Biancão, onde deveria ser realizada a partida, soube-se que o número de lugares nas arquibancadas é pouco maior do que no Portal, mas não o suficiente para atingir os 5 mil lugares, o que de certa forma não atende também as mesmas exigências.
Diante do impasse a diretoria do VEC adiou a viagem que faria a Ji-Paraná e Porto Velho. Uma das saídas seria assumir o compromisso de colocar à venda apenas o número de ingresso correspondente ao número de lugares nas arquibancadas. A justificativa, segundo os cartolas seria de que em Rondônia, o público que vai aos estádios é bem inferior a isso e em função das dificuldades de locomoção, estadia, distância, seriam levados em conta.
Uma preparação fora de Vilhena com translado e mais despesas com alimentação, alojamento e logísticas não custariam menos de R$ 15 mil e isso inviabilizaria a participação do VEC na Copa do Brasil.
“Estamos transferindo um problema que poderia ser muito menor com o jogo realizado em Vilhena. As deficiências do Biancão e Aloísio Ferreira são iguais ou maiores do que do Portal da Amazônia”, alertou José Natal.
O VEC já recepcionou três partidas pela Copa do Brasil (Fortaleza, Ponte Preta e Clube Atlético Paranaense) e não decepcionou com falta de estrutura e nem comprometeu a realização das partidas, já que não foi registrados nenhum incidente envolvendo torcedores, organização e jogadores, o que mostra a eficiência da diretoria na realização deste mega evento aos padrões de Rondônia.

Fonte: Correio de Notícias

One Response so far.

  1. dionatha escreveu:

    vai vec arrebenta na copa do brasil pornos torsedor.

Deixe um Comentario

ATENÇÃO! Comentários anônimos podem NÃO ser publicados. Se possível, identifique-se para melhor interação com os usuários

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

Tecnologia do Blogger.

MUSEU VIRTUAL

COMPAREÇA AOS JOGOS

COMPAREÇA AOS JOGOS

FUTEBOL DE RONDÔNIA

OFERTAS

LOBOS DO CERRADO

Arquivo

Copyright © Vilhena Esporte Clube - Blog do Torcedor - Criado por João Eduardo Caldeira - Design por Patricky Gabriel Sarturi